Fórum Municipal da Educação é realizado pela Prefeitura dia 17

Programação tem debate sobre nove eixos e eleição dos delegados de Itaúna

A Prefeitura de Itaúna realiza, na próxima sexta-feira, 17 de novembro, o Fórum Municipal de Educação. O seminário, das 08h às 12 horas, tem como principal objetivo a discussão de propostas e eleição dos delegados para a Conferência Territorial, que a cidade recebe no próximo dia 25. A construção dos projetos para o setor, em âmbito local, também faz parte da programação, que vai envolver cerca de 60 pessoas, como representantes das 30 instituições da rede mantida pelo Município, além do público externo, uma vez que o encontro é aberto às escolas estaduais, particulares, cursos técnicos e superiores.

“O Fórum será uma ferramenta muito importante nos preparativos para a Conferência Territorial, que Itaúna sediará na próxima semana. Vamos debater os nove eixos do documento que vai estabelecer as diretrizes para o segmento, fortalecendo as estratégias do Plano Municipal de Educação. A expectativa é de que participem cerca de 100 profissionais da área, que terão oportunidade de contribuir com essa empreitada, na busca de mudanças, com melhorias e ampliação do acesso ao ensino”, explica a secretária de Educação e Cultura, Alessandra Nogueira Santos Araújo.

O encontro terá como tema “A Construção do Sistema Integrado de Educação Pública de Minas Gerais (SIEP/MG) e a implementação dos Planos de Educação” e será na sede da Secretaria Municipal de Educação e Cultura, que fica na rua Manoel Zacarias, 194, Graças.

Reformulação do sistema

No dia 25 de novembro, Itaúna recebe profissionais que atuam na área da Educação em todas as cidades da região para a Conferência Territorial. As propostas discutidas durante o seminário serão levadas ao encontro em nível estadual e servirão de base para a integração do sistema entre os municípios e o Estado. A iniciativa reúne instituições de ensino, gestores públicos e sociedade civil, entre elas a Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais. A proposta é colocar em debate os eixos que compõem o documento para as conferências Nacional e Popular.

Entre os pontos fundamentais em pauta, a construção do sistema e de um projeto pedagógico integrado; o financiamento da Educação; a redistribuição do ICMS para a área, com a finalidade de ampliação do atendimento no nível municipal, em especial no ensino infantil; a gestão democrática, reafirmando o ideário de participação na gestão que os conselhos municipais representam; e a reafirmação do princípio da liberdade de aprender, de ensinar e da pesquisa.

FONTE: PREFEITURA DE ITAÚNA

Facebook Comments