Programa de Educação Patrimonial reforça conhecimentos dos professores da rede municipal de ensino

Iniciativa forma docentes para conscientização sobre a importância da história e cultura de Itaúna

Valorizar os bens materiais e imateriais que fazem parte da memória de Itaúna e aproximar a população da história da cidade, que completou 116 anos de emancipação político-administrativa no sábado, 16 de setembro, é uma das preocupações da atual administração desde o início do mandato. E, para reforçar esse propósito, professores de instituições de ensino mantidas pelo Município participaram do programa de educação patrimonial promovido pela concessionária da linha férrea.

A primeira etapa de atividades contemplou os docentes das escolas municipais Celuta das Neves e Dona Dorica, que atendem alunos do sexto ao nono ano do ensino fundamental. A iniciativa visa fazer com que os educadores atuem como multiplicadores, contribuindo para ampliação dos conhecimentos acerca de Itaúna e também para a conscientização sobre a necessidade de preservação da cultura local.

As capacitações foram realizadas em agosto e setembro, com oficina de fotografias. Para os meses de outubro e novembro está prevista a formatação do projeto, que será encerrado com exposição dos trabalhos desenvolvidos, na Praça Doutor Augusto Gonçalves, no Centro, em dezembro.

FONTE: PREFEITURA DE ITAÚNA

Facebook Comments