Novo protocolo para marcação de consultas e exames humaniza atendimento na Policlínica

Prefeitura implementa sistema integrado com unidades de saúde para agendamento de procedimentos

Começou a funcionar nesta segunda-feira, 11 de setembro, o novo protocolo para marcação de consultas especializadas e exames na Policlínica Dr. Ovídio Nogueira Machado. A medida, implantada pela primeira vez no Município, tem o objetivo de descentralizar e humanizar o atendimento, garantindo o acesso igualitário e integral à saúde. O principal reflexo é o fim da distribuição de fichas para agendamento dos procedimentos e, consequentemente, a extinção das filas durante as madrugadas na porta da unidade, no bairro São Geraldo.

A secretária-adjunta de Saúde, Vanésia Bernardes, explica que o atual modelo foi proposto pela Secretaria em junho, seis meses após o início da administração, quando o Governo conseguiu levantar as demandas da população e da rede de atenção básica, em consonância com a central de regulação. O projeto foi apresentado ao Conselho Municipal de Saúde e aprovado, sendo levado também ao conhecimento do Ministério Público e vereadores. “Com essa iniciativa, a Secretaria tem a intenção de humanizar o atendimento, democratizando o acesso à saúde. Espera-se, com essa medida, que o acesso seja igualitário, sem que os usuários tenham que passar a noite na Policlínica para conseguir um procedimento”, resumiu.

A partir de agora, os encaminhamentos para as especialidades médicas e marcação de exames são feitos pelas equipes das unidades de Estratégia de Saúde da Família – ESF, após consulta do paciente com o clínico. De posse dos pedidos, a Central de Regulação disponibiliza o atendimento conforme normas estabelecidas no protocolo. A ordem segue os critérios de urgência, atestado por profissional de saúde, e cronológica, de acordo com a data do pedido.

Agilidade no atendimento

Antes de ser implantado o novo sistema, a Regulação encaminhava para as unidades de ESF a quantidade de vagas existentes para as consultas especializadas e exames. Todas recebiam o mesmo número para procedimentos, independente das prioridades da comunidade, já que os dados epidemiológicos e populacionais não eram considerados. “No primeiro semestre acompanhamos o funcionamento dos serviços e identificamos a necessidade de mudança, principalmente porque as necessidades são diferentes em cada região visto que cada bairro tem características variáveis em relação à faixa etária e número de habitantes”, exemplificou o secretário municipal de Saúde, Fernando Meira de Faria.

A gerente de Regulação, Maria Clara Ferreira Souza Ribeiro, defendeu a medida, que vai centralizar no setor todas as informações referentes à prestação dos serviços. “Com base nos dados e estatísticas da Secretaria de Saúde, teremos condições de melhor atender a população a partir da implantação do novo sistema, que vai estruturar a rede e acolher, com mais agilidade, a demanda apresentada pela atenção primária”, completou.

A Portaria 2 funciona das 07h às 16 horas para o agendamento de procedimentos presencialmente. No local, são marcadas as datas e horários para as demandas geradas na própria Policlínica Dr. Ovídio Nogueira, a partir dos atendimentos com especialistas, como os exames de Raio X, ultrassonografia e eletrocardiograma. Também são agendadas consultas com clínico geral, ginecologista e pediatra. Mais informações pelo telefone 3241.4999 (ramal 240). 

FONTE: PREFEITURA DE ITAÚNA

Facebook Comments