Homem é morto com tiro na cabeça e carbonizado três dias depois em Itaúna

Um fazendeiro encontrou nesta segunda-feira (11) um corpo carbonizado na comunidade de Arrudas, na zona rural de Itaúna. A vítima, do sexo masculino, teve seu corpo queimado junto a uma estrutura de pneus, em uma ação conhecida como microondas do tráfico. Ela também apresentava marcas de tiros e mutilação nos dedos.
De acordo com a Polícia Militar (PM), o fazendeiro contou que avistou um fogo em uma mata de eucaliptos na noite deste domingo (10). Nesta segunda-feira (11), ele foi até o local para averiguar os danos da queimada e encontrou o corpo, acionando a polícia.
A perícia da Polícia Civil foi ao local e constatou que a vítima estava com o corpo envolto por pneus, tinha marca de tiro na cabeça e no braço e faltava parte dos dedos da mão.
Foi constatado, ainda, que a vítima estava morta há pelo menos três dias e que foi levada para o local para ser queimada. Marcas de pneus de carro foram encontradas próximo ao local do crime. A Polícia Civil vai investigar o caso.
FONTE: G1

Facebook Comments