Governo cria força-tarefa para combate a roubo a caixas eletrônicos

Fernando Pimentel (PT) enfatizou que o número de roubo a caixas eletrônicos não aumentou no Estado, porém há grande preocupação com os impactos socioeconômicos do crime

O governador Fernando Pimentel (PT) informou na manhã desta sexta-feira (8) a criação de um grupo de trabalho para combater o crime de roubo a caixas eletrônicos no Estado. Conforme Pimentel, o crime causa grande impacto, principalmente em cidades do interior que, em alguns casos, só contam com um equipamento para sacar dinheiro.

O anúncio foi feito no palácio da Liberdade, após uma reunião entre o governador, o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Helbert Figueiró de Lourdes, o chefe do Gabinete Militar do Governador, coronel Fernando Antônio Arantes, o secretário de Estado de Segurança Pública, Sérgio Barboza Menezes, e o chefe adjunto da Polícia Civil, Raimundo Nonato.

O governador enfatizou que o número de roubo a caixas eletrônicos não aumentou no Estado, porém há grande preocupação com os impactos socioeconômicos do crime. No entanto, a ousadia desses ataques tem chamado a atenção do governo. Um decreto instituindo o grupo de trabalho será publicado no início da próxima semana. O protocolo de como a equipe vai trabalhar não foi divulgado, por questões de segurança.

O comandante da Polícia Militar, Helbert Figueiró de Lourdes, informou que haverá uma atuação prática e efetiva de delegados e policiais militares, que serão destacados exclusivamente para o combate deste tipo de crime. A equipe vai realizar um mapeamento das quadrilhas organizaras, além de um estudo de como esses criminosos agem. O trabalho de inteligência da Polícia Civil será importante nesses trabalhos.

Outros órgãos, como o Ministério Publico, serão convidados para compor a força-tarefa.

FONTE: O TEMPO

Facebook Comments