Carretas com minério e produto químico batem e fecham parte da BR-040

Veículos se envolveram em acidente no trevo para Moeda, em Itabirito. Ninguém ficou ferido. Produto transportado por um dos veículos é perigoso, segundo a PRF

Um acidente envolvendo duas carretas mobiliza equipes da polícia e dos bombeiros na manhã desta segunda-feira na BR-040, em Itabirito, Região Metropolitana de Belo Horizonte. Um dos veículos transportava uma carga de produto tóxico. Segundo a Via 040, concessionária responsável pelo trecho, às 11h o congestionamento chegava a 7 quilômetros no sentido Rio de Janeiro e 8 em direção à capital.

O acidente ocorreu no km 575, perto do trevo de Moeda. As primeiras informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF) dão conta que uma das carretas transportava minério, enquanto a outra levava diisocianato de tolueno, também conhecido como TDI 80/20, produto considerado perigoso. O material é usado na fabricação de espuma para colchões.

Conforme uma passageira que passou pelo local, no pedágio os ocupantes dos carros são orientados a fechar as janelas e o ar condicionado de fora para dentro para evitar contato com o produto tóxico. Ela relata ter demorado quase uma hora para percorrer dois quilômetros.

Ninguém ficou ferido no acidente. Por volta das 8h, o trânsito fluía no esquema de siga e pare no sentido Rio de Janeiro. Às 8h30, a PRF informou que o trecho precisou ser interditado totalmente para o destombamento da carreta com minério. O trabalho no veículo com os tambores de produto químicodeve demorar um pouco mais. Relembre: PM encontra 300 tambores de carga tóxica abandonadas em zona rural

Segundo a PRF, os bombeiros informaram que o produto é perigoso se inalado e, em tese, é cancerígeno. Eles tentavam conter a dispersão jogando terra sobre o produto. As pistas haviam sido fechadas por determinação dos militares, que aguardavam a chegada da equipe de uma empresa especializada em casos de acidentes com produtos perigosos. Às 11h, a Via 040 informou que a pista foi parcialmente liberada no sentido Rio de Janeiro, com duas faixas sendo utilizadas, uma para cada sentido.

FONTE: ESTADO DE MINAS

Facebook Comments