Jovem dá à luz em casa com ajuda da equipe do Samu em Formiga

Ana Laura nasceu neste domingo (25). Técnica em enfermagem contou ao G1 como foi o parto.

 Um atendimento para levar uma grávida até o hospital terminou de forma diferente para a técnica em enfermagem Karina de Queiroz e o motorista de uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Ronaldo Rodrigues. Os dois tiveram que fazer o parto da paciente Natália Cristina, de 26 anos, em casa, em Formiga.

A equipe foi acionada para levar a gestante do Bairro Souza e Silva até a Santa Casa de Misericórdia na manhã deste domingo (25). No entanto, cinco minutos após chegar ao local, a bolsa da grávida se rompeu. Ela estava com 37 semanas.

“No local nos deparamos com a gestante deitada em um colchão no chão do quarto. Eu e meu parceiro de trabalho a cobrimos e pedimos que o marido ficasse ao lado da esposa. No atendimento usamos uma máscara de oxigênio, pois a paciente estava bem cansada e, então, pedimos para que fizesse bastante força para a criança nascer”, disse.

De acordo com a técnica em enfermagem, a menina, que recebeu o nome de Ana Laura, nasceu saudável e com 2,8 quilos. Um médico da Unidade de Suporte Avançado (USA) foi chamado para seguir com os trabalhos de estabilidade da jovem e do bebê. As duas foram levadas para a Maternidade da Santa Casa de Formiga e passam bem.

Karina diz que esta foi a primeira vez que realizou um parto assim. “Vai ficar marcado para o resto resto da vida. Foi muito emocionante”, relembrou.

A mãe, Natália Cristina, disse que este foi o primeiro parto em casa que já teve. Ela não esconde a emoção e ressalta o cuidado da equipe. “Posso dizer que minha filha nasceu nas mãos de anjos que Deus colocou no meu caminho”, destacou.

FONTE: G1

Facebook Comments