Homens morrem soterrados durante escavação de buraco em Papagaios

No início da noite da última quinta (8), a Polícia Militar compareceu na Fazenda Taquara, em Papagaios, onde morreram 02 homens de 52 e 55 anos, soterrados durante escavação de um buraco em um barranco, para extração de cristais e para fazer um bolsão de água para gado.

O proprietário de 61 alegou que desconhecia que estava ocorrendo garimpo de cristais em sua propriedade e que tomou conhecimento do soterramento por terceiros. O vaqueiro da fazenda, de 59 anos relatou horas antes do acidente, esteve no local dos fatos, que quatro pessoas trabalhavam na escavação manual do buraco, e que uma quinta pessoa, conhecida operava uma máquina retroescavadeira.

Uma testemunha, uma mulher prima de uma das vítimas, disse que o proprietário da fazenda tinha ciência da extração de cristais no local, e que além das duas vítimas soterrada, também trabalhavam na extração mais três pessoas, sendo o operador da máquina retroescavadeira, o filho de uma das vítimas e outro homem, que não permaneceram no local após o acidente.

Os militares conseguiram contato telefônico com o jovem de 28 anos, filho da vítima de 55 anos, o qual disse que estavam naquele local a pedido do proprietário, para realizar a escavação de um “bolsão de água para gado”, que no interior do buraco se encontravam seu pai e a outra vítima de 52 anos, tendo ele ficado do lado de fora ele em companhia de outro trabalhador de 57 anos e que em dado momento a terra cedeu, vindo a soterrar as vítimas.

Foi constatado que nos esforços para salvarem as vítimas, o rosto de uma delas havia sido descoberto da terra e o outro teve a cabeça decepada, provavelmente por alguma ferramenta como enxada ou outra semelhante.

Os militares acionaram os Bombeiros Militares e a Perícia Técnica da Polícia Civil, que fizeram seus trabalhos, sendo confirmado o óbito das duas vítimas, cujos corpos foram retirados e liberados para a funerária local.

FONTE: Sistema MPA

Facebook Comments